Brasil mostra interesse em integrar Club de Paris

Depois da entrada da Coreia do Sul em junho, o Club de Paris "poderia continuar se ampliando e isso é bom", afirmou o ministro francês em entrevista coletiva

Paris – O recém-empossado ministro de Economia e Finanças da França, Michel Sapin, disse nesta quinta-feira que o Brasil manifestou interesse de integrar o Club de Paris, uma organização informal que reúne os principais credores públicos, e a China está estudando a possibilidade de fazer o mesmo.

Depois da entrada da Coreia do Sul em junho, o Club de Paris “poderia continuar se ampliando e isso é bom”, afirmou ele em entrevista coletiva, adiantando que a questão será abordada na Cúpula do G20 que começa no próximo domingo na China. Ele ressaltou que a incorporação de países emergentes se deve ao fato de que cada vez mais estarem envolvidos em empréstimos.

O Ministério das Finanças da França abriga o secretariado do Club de Paris criado há 60 anos e que conta, atualmente, com 21 Estados-membros, tais como Áustria, Alemanha e Japão. Sua missão é negociar coletivamente com países devedores para, entre outras situações, evitar graves crises. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s