Chama paralímpica começa jornada até o Rio de Janeiro

A primeira das tochas foi acesa em Brasília, pelo professor Ulisses Araújo, um dos pioneiros no país em preparar atletas com algum tipo de deficiência

Brasília – A chama dos Jogos Paralímpicos começou a ser conduzida pelo Brasil nesta quinta-feira, seis dias antes da cerimônia de abertura do evento, que acontecerá no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

A primeira das tochas que serão utilizadas no percurso do revezamento foi acesa em Brasília, pelo professor de educação física Ulisses Araújo, um dos pioneiros no país em preparar atletas com algum tipo de deficiência.

Antes de chegar ao Rio de Janeiro, na próxima terça-feira, a chama, que chegou ao país na semana passada e foi entregue ao presidente Michel Temer, passará pelas cidades de Belém, Natal, São Paulo e Joinville, percorrendo 250 quilômetros, pelas mãos de 745 pessoas.

Internautas de todo o mundo poderão participar do acendimento da chama. Para isso, é preciso postar uma mensagem em sua conta no Twitter utilizando a hashtag #ChamaParalímpica. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s