Cunha diz que CPMF está “fadada à derrota fragorosa”

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, afirmou nesta quarta-feira que a proposta do governo federal de recriar a CPMF está "fadada a uma derrota fragorosa"

Brasília – O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirmou nesta quarta-feira que a proposta do governo federal de recriar a CPMF está “fadada a uma derrota fragorosa”, mesmo com o apoio de governadores que foram ao Congresso nesta quarta pedir apoio ao tributo com uma alíquota maior que a proposta pelo governo.

Em entrevista a jornalistas depois de se reunir com o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), Cunha também disse que analisará um pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, a ser protocolado na quinta-feira, dentro do “prazo da razoabilidade”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s