Escândalo de corrupção na Petrobras chega à Noruega

Autoridades suspeitam que a empresa norueguesa Sevan Drilling pagou subornos para garantir contratos com a Petrobras

O escândalo de corrupção na Petrobras atingiu a Noruega, onde a polícia revistou a sede da empresa Sevan Drilling.

Em um comunicado divulgado na sexta-feira à noite, a empresa especializada na perfuração em águas profundas anunciou a operação em sua sede.

O jornal econômico Dagens Naeringsliv (DN) informou que as autoridades suspeitam que a empresa “pagou importantes quantias em subornos para garantir contratos com a Petrobras”.

De acordo com a Sevan Drilling, controlada pela Seadrill, os contratos foram assinados entre 2005 e 2008, na época em qye a empresa integrava a Sevan Marine, especializada em serviços offshore.

No Brasil, as suspeitas sobre a legalidade dos negócios da Sevan Drilling no país surgiram no fim de junho.

A empresa se antecipou e contratou uma auditoria de um escritório de advocacia, que entregou o relatório na sexta-feira. O documento afirma que “é mais provável (que improvável) que tenham acontecido pagamentos irregulares para a atribuição de contratos”, segundo o DN.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s