Estudantes de Etecs terão de escolher entre almoço e lanches

Os alunos das escolas técnicas de São Paulo (Etecs) terão de optar por receber a merenda seca ou almoço

São Paulo – Os alunos das escolas técnicas de São Paulo (Etecs) terão de optar por receber a merenda seca ou almoço.

Nesta sexta, 6, o Centro Paula Souza anunciou que oferecerá, a partir de agosto, almoço para 20 mil alunos de 65 escolas, que estudam em período integral.

No entanto, para que tenham a refeição, eles deverão abrir mão dos lanches que recebem no intervalo, a merenda seca (composta por bolachas ou barra de cereal e suco).

“Agora poderão optar entre continuar a receber essa merenda pela manhã e à tarde ou receber uma refeição na hora do almoço. A instituição deu duas alternativas porque muitos alunos, especialmente no interior do Estado, preferem almoçar em casa ou levar a própria refeição para as escolas, que têm infraestrutura para aquecimento de alimentos”, disse o Centro Paula Souza, em nota.

Ainda segundo a autarquia, não foi definido se o almoço servido será do tipo marmitex ou no esquema “bandejão”. “O CPS está enviando formulários às escolas para que façam o cadastramento da opção dos estudantes – dois lanches ou almoço”, informou a autarquia.

Foi só a partir de segunda-feira que todas as Etecs de São Paulo passaram a oferecer merenda. Antes, 15 unidades não recebiam nenhum alimento. Após a manifestação dos alunos, o CPS anunciou que as unidades passariam a receber merenda seca e, agora, almoço.

Ainda segundo o centro, em 144 das 219 Etecs já são servidas refeições completas. Para Laura Laganá, diretora-superintendente da autarquia, a falta de merenda em parte das unidades acontecia por “falta de tradição” em servir merenda aos alunos.

“A lei para o ensino técnico é do fim de 2009. Nesses últimos cinco anos, estamos adequando nossas escolas. Temos prédio antigo que precisa de reforma e às vezes nem tem espaço planejado para isso.”

Licitação

O centro informou que o fornecimento da refeição completa só terá início em agosto porque será preciso fazer licitação. A medida será adotada até que todas as unidades estejam adaptadas para distribuição de refeições.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s