Hospital confirma 1ª morte por rompimento de barragem em MG

O hospital está recebendo os feridos e informa que, até o momento, outras quatro pessoas já receberam atendimento e passam bem

Brasília – O Hospital Monsenhor Horta, em Mariana (MG) confirmou há pouco a morte de uma pessoa em consequência do rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, hoje (5), no distrito de Bento Rodrigues, zona rural a 23 quilômetros da cidade.

O hospital está recebendo os feridos e informa que, até o momento, outras quatro pessoas já receberam atendimento e passam bem.

Em Ouro Preto, a Santa Casa de Misericórdia, que também deve receber feridos, não recebeu nenhuma vítima, mas informou que está preparada para prestar atendimento aos feridos.

A prefeitura da cidade disse que enviou sete ambulâncias para o distrito de Bento Rodrigues e outras três estão a caminho. A lama arrastou carros e caminhões, encobriu quase todas as casas do subdistrito em que fica a barragem e deixou moradores ilhados.

A prefeitura de Mariana está preparando um ginásio esportivo na cidade e o prédio de uma escola  para receber os desabrigados. A Secretaria de Saúde do município também convoca profissionais para formar uma força-tarefa na ajuda aos feridos.

Ainda não há um número oficial de desabrigados. Segundo a Associação Comunitária da região, o subdistrito de Bento Rodrigues tem 620 moradores. O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, vai amanhã (5) para a cidade.

Segundo a prefeitura de Ouro Preto, o rompimento da barragem ocorreu por volta das 16h20.

Em nota, a Samarco informou que houve um rompimento de sua barragem de rejeitos, denominada Fundão. “Não é possível, neste momento, confirmar as causas e a extensão do ocorrido, bem como a existência de vítimas”, diz a nota.

O Ministério Público de Minas Gerais instaurou inquérito para investigar as causas e responsabilidades no rompimento da barragem.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s