Imposto verde pode melhorar sustentabilidade, avalia OCDE

A OCDE apresentou nesta quarta-feira, 4, um relatório sobre o desempenho e desafios do Brasil na área ambiental, com 53 recomendações para o País

Brasília – O secretário-geral da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico, Angel Gurría, defendeu o aumento de “impostos verdes”, como os que incidem sobre a emissão de poluentes e usos de pesticidas.

A OCDE apresentou nesta quarta-feira, 4, um relatório sobre o desempenho e desafios do Brasil na área ambiental, com 53 recomendações para o País. “Aumentar impostos verdes pode melhorar simultaneamente a sustentabilidade fiscal e ambiental”, afirmou.

Segundo Gurría, o relatório encara favoravelmente o aumento de impostos sobre combustíveis.

A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, disse que o relatório reconhece os esforços que vem sendo feitos no País nos últimos 15 anos, assim como traz os desafios enfrentados pelo Brasil por ser um nação continental.

Em comentário à fala do secretário, o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, lembrou que o governo restabeleceu no início do ano a tributação sobre combustíveis fósseis.

Ele defendeu ainda que o País inicie um novo ciclo de desenvolvimento industrial com maior desconcentração das empresas, acesso ao crédito e consequente, aumento do valor agregado.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s