Meta fiscal pode ir direto a plenário do Congresso

Romero Jucá disse que a votação da proposta de mudança da meta fiscal de 2016 pode ir direto ao plenário caso comissão não consiga votar a pauta até as 11h

Brasília – O ministro do Planejamento, Romero Jucá, afirmou nesta segunda-feira que a votação da proposta de mudança da meta fiscal de 2016 pode ir direto ao plenário do Congresso Nacional caso a Comissão Mista de Orçamento (CMO) não consiga votar a pauta até as 11h de terça-feira, dado seu caráter de urgência.

Jucá, que mais cedo disse que estará licenciado do cargo a partir de terça-feira, afirmou que ainda não era possível afirmar se a proposta seria votada ainda nesta segunda-feira na CMO.

Mais informações em instantes

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s