OMS edita guia para evitar resistência do Aedes aegypti

De acordo com a organização, o uso de inseticidas seguros é a forma mais eficaz de acabar com o mosquito

Genebra – A Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou nesta terça-feira um guia provisório para evitar que o mosquito Aedes aegypti, que transmite o vírus do zika, resista aos inseticidas utilizados pelas autoridades dos países afetados.

De acordo com a OMS, o uso de inseticidas seguros é a forma mais eficaz de acabar com o mosquito tanto em estado de larva como adulto para acabar com a transmissão do zika e de outras doenças que o inseto também contagia, como dengue e chicungunha.

Por isso, a organização internacional afirmou que é essencial manter a efetividade destes inseticidas contra as populações do mosquito, já que esses insetos desenvolvem resistência aos produtos químicos.

As variação de inseticidas é uma das três principais recomendações feitas pela OMS, que sugere mudar de produto a cada seis meses. Uma técnica que, segundo o relatório, deveria ser implementada antes mesmo de ser registrada alguma imunidade.

A OMS aconselha a utilização de diferentes tipos de inseticida para os diferentes estágios da vida do mosquito.

Por último, o documento afirma que os inseticidas devem ser aplicados em “mosaico”. Ou seja, um composto químico ser utilizado em uma área e outro, que atue de maneira diferente, nas zonas vizinhas.

Este método é “robusto” teoricamente, mas difícil de ser implementado, especialmente quando se procura acabar rapidamente com uma epidemia.

Além do uso de inseticidas, a OMS especifica que também é preciso continuar a combater o mosquito através de ferramentas sem produtos químicos, como a eliminação e a limpeza dos lugares com água parada e a proteção pessoal contra as picadas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s