PSDB quer incluir Lava Jato em impeachment no Senado

Ao aceitar o pedido na Câmara Eduardo Cunha restringiu os pontos da denúncia à edição de decretos orçamentários e às chamadas pedaladas fiscais em 2015

Brasília – O líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB), disse nesta sexta-feira que quer incluir acusações relativas à Lava Jato na denúncia em análise do pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.

Ao aceitar o pedido de impeachment na Câmara dos Deputados, o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), restringiu os pontos da denúncia à edição de decretos de suplementação orçamentárias e às chamadas pedaladas fiscais em 2015, pontos que foram o objeto central do parecer do relator na Câmara, deputado Jovair Arantes (PTB-GO).

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s