Renan classifica de “fantasia” acusação de Cerveró

O peemedebista disse que se pronunciará após o encontro e falará também sobre o que classificou de "fantasia" de Nestor Cerveró

Brasília – O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), não quis conceder entrevistas ao chegar para reunião de líderes partidários que definirá o rito do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff na Casa.

O peemedebista disse que se pronunciará após o encontro e falará também sobre o que classificou de “fantasia” do ex-diretor da área Internacional Petrobras Nestor Cerveró.

Em depoimento prestado ao juiz Sérgio Moro, que conduz os processos da Lava Jato na Justiça Federal de Curitiba, o ex-executivo disse que Renan recebeu propina de R$ 6 milhões por meio do lobista Jorge Luz, apontado como um dos operadores de propinas na Petrobras, referentes a um contrato de afretamento do navio-sonda Petrobras 10.000.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s