Rio recorre de decisão de climatizar 100% dos ônibus

O município do Rio só poderá recorrer quando for oficialmente notificado da decisão do desembargador, o que ainda não ocorreu

A prefeitura do Rio de Janeiro vai recorrer da decisão da 2a. Câmara Cível do Tribunal de Justiça de obrigar a climatização de 100% da frota de ônibus urbanos da cidade.

O desembargador Alexandre Freitas Câmara, da 2a Câmara Cível do Rio, negou um recurso do município e manteve a decisão da primeira instância da Justiça, que obriga a climatização.

O município do Rio só poderá recorrer quando for oficialmente notificado da decisão do desembargador, o que ainda não ocorreu.

Segundo a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça, a prefeitura não apresentou motivos suficientes para que fosse derrubada a obrigação da climatização de 100% dos ônibus.

A decisão inicial, do juiz Leonardo Grandmasson Ferreira Chaves, da 8a. Vara de Fazenda Pública, determina que a prefeitura pague uma multa de R$ 20 mil para cada ônibus sem ar condicionado em circulação na cidade a partir do ano que vem.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s