Rio tem bom sistema de segurança para Jogos, diz prefeito

"Ninguém falou algo sobre isso em nenhum momento, mas é natural que com o atentado em Paris se fale mais sobre isso", disse

Rio de Janeiro – Atletas, autoridades e torcedores não devem ter medo de ir ao Rio de Janeiro para os Jogos Olímpicos de 2016, uma vez que o plano de segurança para o evento já estava “bem montado”, segundo o prefeito do Rio, Eduardo Paes.

As preocupações em relação à segurança da Olimpíada aumentaram depois dos ataques neste mês em Paris, que deixaram 130 mortos.

Especialistas disseram à Reuters na semana passada que o Brasil não tem o conhecimento e o preparo necessários para impedir ataques e dependerá da ajuda de países estrangeiros para garantir a proteção do evento.

“Acho que o esquema de segurança já estava bem montado e seguirá assim. Os organismos de inteligência do mundo vão acompanhar…não tem drama nisso”, disse o prefeito a jornalistas nesta terça-feira.

Após participar de reunião com integrantes do Comitê Olímpico Internacional (COI) que estão na cidade para acompanhar o andamento das obras, Paes revelou que eles não manifestaram preocupação com a segurança dos Jogos após os atentados. 

“Ninguém falou algo sobre isso em nenhum momento, mas é natural que com o atentado em Paris se fale mais sobre isso”, disse.

“A humanidade não pode ficar temendo e dar vitória aos terroristas. A barbárie não pode vencer a civilização.”

Durante o encontro foram apresentados detalhes sobre o corte nos gastos do Comitê Rio 2016 para evitar um estouro de cerca de 10 por cento no orçamento de 7,4 bilhões de reais.

“Se tem orçamento é para ser cumprido…orçamento do comitê tem mais a ver com mundo olímpico, com família olímpica do que com a Olimpíada”, afirmou Paes, que disse ter ouvido elogios do COI sobre o ritmo das obras.

“As coisas vão muito bem…A avaliação foi positiva. Já entregamos muitos equipamentos e eles estão otimistas com os Jogos.”

O prefeito confirmou ainda que as competições de pólo aquático, inicialmente programadas para o Parque Aquático Júlio Delamare, no Maracanã, serão disputadas no Maria Lenk, na Barra.

“Fica no Maria Lenk junto com o salto. Falou-se em levar para Deodoro, mas eles (COI) acharam melhor por uma questão de logística. Com ajustes dá para fazer no Maria Lenk”, finalizou.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s