Senado decide que Dilma poderá exercer funções públicas

Na votação, 42 senadores decidiram pela inabilitação de Dilma, 36 optaram pela permanência de seus direitos políticos e 3 se abstiveram

Brasília – O Senado decidiu nesta quarta-feira a favor da permanência do direito de Dilma Rousseff de exercer funções públicas poucos minutos após ter aprovado seu impeachment em julgamento político.

Na votação, 42 senadores decidiram pela inabilitação de Dilma, 36 optaram pela permanência de seus direitos políticos e 3 se abstiveram, por isso não foi alcançada a maioria de dois terços (54 votos) necessária para a aprovação deste tipo de moção. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s