17 detidos em protesto contra tarifa em SP são liberados

Neste sábado, passou a vigorar na cidade a tarifa de R$ 3,80 para ônibus, trens e metrô.

São Paulo — Todas as 17 pessoas detidas pela Polícia Militar suspeitas de participar de atos de vandalismo durante os protestos de sexta-feira contra o aumento da tarifa de ônibus foram liberadas até o fim da tarde deste sábado, 9.

Quatro haviam sido presas em flagrante por crimes de roubo, dano ao patrimônio qualificado e posse de material explosivo. As informações são do Decap, departamento responsável pelas delegacias da capital paulista.

Neste sábado, passou a vigorar na cidade a tarifa de R$ 3,80 para ônibus, trens e metrô.

Segundo a Polícia Civil, duas pessoas foram presas por tentar roubar um policial militar que acompanhava o protesto, uma por destruir uma viatura da PM e a última por estar com material explosivo na mochila.

A prisão do manifestante que supostamente estaria com esse artefato é contestada por participantes da manifestação.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s