Toffoli aponta para o fenômeno da “uberização da política”

"Estamos diante de uma situação em que cada vez mais as novas gerações apresentarão as demandas como quem pega o iPhone para chamar um Uber"

São Paulo – O ministro Dias Toffoli, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), disse nesta sexta-feira, 6, que o desenvolvimento das novas tecnologias está criando o fenômeno da ‘uberização da política’.

“Estamos diante de uma situação em que cada vez mais as novas gerações apresentarão as demandas como quem pega o iPhone para chamar um Uber, chamar um táxi, pedir uma pizza. Elas vão querer cada vez mais rapidez”, disse o ministro, no II Congresso Internacional de Direito Eleitoral, em São Paulo.

As informações foram divulgadas pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo.

Saudado pelo presidente do TRE/SP, desembargador Mário Devienne Ferraz, Toffoli fez uma palestra especial sobre a história política brasileira, desde o Império até os dias atuais.

Toffoli disse que os partidos precisam rever sua forma de atuação e que “a classe política tem que começar a pensar que o eleitor e o cidadão serão cada dia mais exigentes”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s