Total de PMs mortos este ano no Rio de Janeiro sobe para 56

Morreu neste domingo o soldado Victor Eric Braga, com um tiro na cabeça

Já são 56 os policiais militares mortos desde o início do ano no Rio de Janeiro com a morte neste domingo (10) do soldado Victor Eric Braga Faria, 26 anos, quando passava pelo bairro do Engenho Novo, na zona norte, em direção à Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro do Encontro, no Complexo do Lins, onde era lotado.

Em nota, a UPP informou que uma equipe policial da UPP de Lins, ao passar pela Rua Barão de Bom Retiro, no Engenho Novo, foi atacada por bandidos armados, por volta das 22h deste domingo (10). Os dois agentes que estavam em uma viatura ficaram feridos.

O soldado Victor Eric Braga Faria foi socorrido por PMs da UPP São João e levado para o Hospital Naval Marcílio Dias, no Lins. Ele não resistiu e morreu com um tiro na cabeça.

Já o segundo policial foi levado com ferimentos em uma das mãos para o Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, por uma ambulância do Corpo de Bombeiros. Ele foi medicado e recebeu alta. O local do crime foi preservado e periciado pela Divisão de Homicídios da Polícia Civil, que investiga o caso.

O soldado Eric estava na corporação desde dezembro de 2012. Ele deixa esposa e um filho. O enterro do militar será hoje (11), às 16h, no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, no Mausoléu do Policial.

Identificação dos criminosos

O Portal dos Procurados está pedindo à população que ajude a polícia do Rio a identificar quem teria assassinado o policial militar Victor Eric, lotado na  UPP/Lins de Vasconcelos.

O portal pede que quem tiver informações sobre a identificação do criminoso que matou o policial denuncie pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram dos Procurados (21) 96802-1650; pelo facebook ou pelo mesa de atendimento do Disque-Denúncia (21) 2253-1177. O anonimato é garantido.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s