Inadimplência com cheques em setembro é a maior desde 1991

O percentual de cheques devolvidos por insuficiência de fundos ficou em 2,21% em setembro

São Paulo – A inadimplência com cheques por falta de fundos alcançou o maior índice para o mês de setembro na série histórica iniciada em 1991.

Segundo o Indicador Serasa Experian de Cheques sem Fundos, divulgado hoje (21),  o percentual de cheques devolvidos por insuficiência de fundos ficou em 2,21% em setembro.

No mês anterior, o percentual foi 2,11% e, em setembro do ano passado, 1,84%.

Para os economistas da Serasa Experian, o crescimento da inadimplência com cheques pode ser explicada pelo “agravamento da situação econômica do país com o aprofundamento da recessão, com as elevação das taxas de desemprego, da inflação e dos juros”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s