Presidente do BC argentino renuncia e abre caminho à Macri

Novo presidente do país já havia afirmado que indicaria Federico Sturzenegger para chefiar a autoridade monetária

Buenos Aires – O presidente do Banco Central da Argentina, Alejandro Vanoli, renunciou ao cargo, abrindo caminho para o novo presidente do país, Mauricio Macri, nomear seu sucessor.

Macri já havia afirmado que indicaria Federico Sturzenegger para chefiar a autoridade monetária.

Economista com experiência nos EUA, Sturzenegger terá papel crucial na reversão da política monetária argentina, que tem essencialmente se concentrado em imprimir montes de dinheiro e ao mesmo tempo manter o peso forte em relação ao dólar.

Sturzenegger vai ajudar a supervisionar o plano de Macri para reduzir a inflação da atual taxa de 25% para um dígito dentro de dois anos.

Os preços no país dispararam na última semana em meio a expectativas de que Macri faria uma desvalorização do peso. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s