Siderúrgica chinesa diz que EUA violam regras da OMC

A empresa pediu ao governo chinês para tomar todas as medidas necessárias para assegurar tratamento justo para o setor

Xangai – O grupo siderúrgico chinês Baosteel acusou os Estados Unidos nesta sexta-feira de quebrarem regras da Organização Mundial do Comércio (OMC) e prometeu apelar contra uma investigação feita pelo país contra a companhia.

A empresa pediu ao governo chinês para tomar todas as medidas necessárias para assegurar tratamento justo para o setor.

Autoridades dos EUA lançaram na quinta-feira uma investigação sobre acusação feita pela United States Steel de que siderúrgicas chinesas, incluindo a Baosteel, roubaram segredos e fixaram preços, em mais recente episódio na briga comercial entre os dois países.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s