Atleta que ajudou adversária ganha medalha de honra olímpica

Corredororas neozelandesa e americana ajudaram uma a outra durante eliminatórias dos 5 mil metros da Rio 2016

As atletas Nikki Hamblin, da Nova Zelândia, e Abbey D’Agostino, dos Estados Unidos, se tornaram um grande símbolo do espírito olímpico depois que pararam no meio das eliminatórias dos 5.000 metros da Rio 2016 para ajudar uma à outra.

A atitude foi tão linda que o COI decidiu prestigiar a neozelandesa com a medalha Pierre de Coubertin.

Humblin foi socorrida por D’Agostino após elas se chocarem praticamente no meio da prova. Porém, o joelho da estadunidense sofreu uma lesão e quando as duas voltaram a correr, ela não conseguiu seguir adiante.

Ao invés de continuar correndo e tentar retomar o ritmo, a neozelandesa desacelerou o passo para acompanhar e incentivar D’Agostino a finalizar a prova.

(Ian Walton/Getty Images)

Por fim, Hamblin terminou a prova um pouco antes e aguardou a colega na linha de chegada. Ali, as duas se abraçaram antes de a estadunidense ser levada da pista por uma cadeira de rodas. A dupla foi aplaudida pelo Engenhão, mesmo chegando em último.

(Patrick Smith/Getty Images)

(Oliver Morin/Getty Images)

Nomeada em homenagem ao criador dos Jogos Olímpicos modernos, Barão Pierre de Courbetin, a medalha é uma honraria esportiva-humanitária concedida a atletas e pessoas envolvidas com o esporte que demonstrem alto grau de esportividade e espírito olímpico. Ela foi entregue apenas a 17 pessoas ao longo da história olímpica.

Em entrevista ao The Telegraph, Hamblin disse: “Estou orgulhosa do que nós fizemos, acredito que você pode ser tanto competitiva quanto gentil e compreensiva ao mesmo tempo.”

E ainda completou falando sobre a importância de estar ali naquele momento, independente de vitórias:

“Todo mundo vem aqui para competir, mas há um monte de pessoas que não alcançam isso, mas a jornada em si é muito importante também. Essa foi uma dessas jornadas e passou a ser um dos momentos mais importantes da minha vida.”

O prêmio foi entregue à atleta na noite de sábado (20), no Clube Olímpico.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s