Futebol feminino perde para o Canadá e fica sem medalha

Deanne Rose abriu o placar do duelo, realizado na Arena Corinthians, em São Paulo, aos 25 minutos do primeiro tempo

Rio de Janeiro – A seleção brasileira feminina de futebol, que empolgou nas primeiras partidas dos Jogos Olímpicos, acabou derrotada nesta sexta-feira pelo Canadá por 2 a 1, na decisão do bronze, e se despediu sem pódio, enquanto as adversárias conquistaram a mesma medalha que conseguiram em Londres 2012.

Deanne Rose abriu o placar do duelo, realizado na Arena Corinthians, em São Paulo, aos 25 minutos do primeiro tempo. Abatidas, as donas da casa não conseguiram esboçar reação e, aos 7 da etapa complementar, Christine Sinclair balançou as redes e ampliou.

Em desvantagem, a zagueira Rafaelle e a atacante Debinha tiveram oportunidades de marcar, quando o Brasil passou a atuar na base do “abafa”, mas ambas erraram o alvo, para desespero da torcida da casa.

O gol de honra veio apenas aos 34 do segundo tempo, com Beatriz.

Este foi o quarto jogo consecutivo do time de Osvaldo Alvarez sem vitória, isso depois de bater a China por 3 a 0 e a Suécia por 5 a 1, o que rendeu comparações de Marta com Neymar, e elogios ao bom futebol apresentado, ao contrário dos homens, que começaram com dois tropeços.

Ainda na primeira fase, já classificada, a seleção empatou com a África do Sul em 0 a 0, placar repetido nas quartas de final, quando a Austrália foi superada nos pênaltis (7 a 6), e nas semifinais, em que as suecas acabaram levando a melhor (4 a 3), acabando com o sonho do inédito our no futebol.

Medalhista de prata em Atenas 2004 e Pequim 2008, o Brasil repete o resultado obtido nos Jogos Olímpicos de Atlanta 1996 e Sydney 2000, os dois primeiros torneios de futebol feminino no evento, em que terminou na quarta colocação.

Apenas os Estados Unidos também alcançaram cinco semifinais em seis edições da competição.

A disputa do ouro acontecerá ainda hoje, às 17h30 (de Brasília), no Maracanã, com Alemanha e Suécia lutando pelo inédito título.

Amanhã, no mesmo horário e mesmo palco da decisão desta sexta-feira, será a vez da seleção masculina entrar em campo, na disputa pelo ouro, em duelo com a Alemanha.

Mais cedo, às 13h, Honduras e Nigéria decidem o dono da medalha de bronze, no Mineirão.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s