Caderno de desenhos inéditos de Van Gogh é descoberto

A editora indicou que não divulgará mais nenhuma informação até a coletiva de imprensa mundial que acontecerá em Paris, em meados de novembro

Um caderno com desenhos inéditos do pintor holandês Vincent Van Gogh foi encontrado e seu conteúdo será publicado simultaneamente em vários países em novembro, anunciou nesta quinta-feira a editora francesa Seuil.

“Este caderno só foi visto por seus proprietários, eu e o editor”, confidenciou à AFP Bernard Comment, responsável pela publicação da obra, intitulada “Vincent Van Gogh, Le brouillard d’Arles, carnet retrouvé” (“Vincent van Gogh, o nevoeiro de Arles, o caderno recuperado”). “É incrível, brilhante”, acrescentou.

O livro será publicado simultaneamente em vários países, entre eles França, Estados Unidos, Reino Unido, Alemanha, Holanda e Japão.

“A editora Seuil anuncia a publicação de um conjunto de desenhos inéditos de Vincent Van Gogh no mês de novembro”, indicou a editora em um comunicado.

A editora advertiu, ainda, que não divulgará mais nenhuma informação “até a coletiva de imprensa mundial” que acontecerá em Paris, em meados de novembro, na véspera da chegada da obra às livrarias.

Bernard Comment afirmou que sabia da existência deste caderno “há pouco mais de um ano”. “O caderno contém um número significativo de desenhos, mais de uma dezena”, acrescentou.

Diversos especialistas verificaram a autenticidade do caderno, um “verdadeiro trabalho científico para atestar que se tratava efetivamente de um caderno utilizado por Van Gogh”, explicou Comment.

Perguntados sobre a descoberta deste caderno inédito do pintor holandês, o Museu Van Gogh de Amsterdã e o Museu d’Orsay de Paris não deram declarações até o momento.

Vincent Van Gogh, falecido em julho de 1890 aos 37 anos de idade, é considerado um dos maiores artistas de todos os tempos. Suas telas, expostas nos principais museus do mundo, estão entre as mais procuradas pelos amantes da pintura.

O “Retrato do Dr. Gachet” (1890) alcançou 82,5 milhões de dólares em um leilão em 1990 na casa de leilões Christie’s. Em maio de 2015, uma de suas telas sobre o passeio nos Alyscamps da cidade francesa de Arles, foi arrematado por 66 milhões de dólares em Nova York.

São conhecidos cerca de mil desenhos de autoria de Van Gogh, nascido em 30 de março de 1853 na cidade holandesa de Zundert.

Texto atualizado às 17h40

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s