Como superar o calor e não reter líquidos neste verão

Enquanto alguns alimentos ajudam na ação diurética, outros são verdadeiros vilões para quem sofre com os inchaços da retenção de líquidos. Veja quais são eles

São Paulo – O verão deste ano promete ser um dos mais quentes de todos os tempos. Segundo o Instituto de Meteorologia do Reino Unido, a temperatura média global em 2016 será 1,14 graus Celsius acima da observada antes da Revolução Industrial.

Além de ser difícil de aguentar todo esse calor, ele pode afetar o funcionamento do corpo humano. Quando há um aumento da temperatura em um ambiente, ocorre um aumento da temperatura corporal. Para que a temperatura do organismo fique regulada, os vasos sanguíneos se dilatam, provocando a retenção de líquidos.

Devido a esse acúmulo de líquidos, vários membros do corpo – especialmente os inferiores – incham. Esse inchaço é mais comum entre grávidas e mulheres em fase pré-menstrual, por causa da alteração de alguns hormônios, como a progesterona.

“Algumas mulheres chegam a engordar de dois a três quilos nessa fase”, conta Gisele Venturoso, nutricionista da Apetit, em entrevista a EXAME.com. Porém, engana-se quem acha que os homens estão livres desse problema.

“Não importa se é homem ou mulher. Depende muito mais de como é a alimentação da pessoa”, explica Venturoso. Segundo a nutricionista, são duas as principais causas de retenção de líquido: o excesso na ingestão de sal e o pouco consumo de água.

Para ela, o sal é o maior vilão em qualquer dieta, devido ao sódio que carrega em sua composição. “O problema é que ele não é usado apenas para temperar. Ele também está em vários produtos industrializados.”

Assim, a nutricionista recomenda que refrigerantes, embutidos e fast food sejam retirados de um regime de alimentação saudável. “Outro produto que deve ser pouco consumido é o tempero pronto. Ele é um veneno para a saúde.”

Bebidas hidrolisadas, como o Gatorade, também devem ser usadas com parcimônia. “Essas bebidas contém uma grande quantidade de sódio e de carboidratos e, por isso, são recomendadas apenas para pessoas que perdem muita energia, como os atletas”, exemplifica a Venturoso.

Além disso, ela explica que as bebidas hidrolisadas podem sobrecarregar a função renal se tomadas em excesso. “Para não errar, o melhor é sempre tomar muita água.” De acordo com a nutricionista, a quantidade de água que as pessoas devem tomar todos os dias varia de 1,5 litro a dois litros.

O que é benéfico

Enquanto o sal é um dos grandes vilões que contribuem com o inchaço, algumas frutas têm ação diurética. “A melancia, por exemplo, ajuda a combater a retenção”, conta Venturoso. O mamão e o kiwi auxiliam no funcionamento do intestino, já o abacaxi melhora a digestão de proteínas no corpo.

Além das frutas, as verduras e legumes verdes de tons escuros também auxiliam na retirada do sódio. Alguns exemplos são a chicória e o brócolis. “A cenoura e a beterraba são ótimos antioxidantes e também diminuem a retenção dos líquidos”, avalia a nutricionista.

Além da introdução de vegetais e frutas na dieta, quem quer parar de acumular líquidos pode substituir alguns alimentos por outros. O sal, por exemplo, pode ser suprido por salsa, cebolinha e limão para o tempero de alimentos.

Já o arroz branco pode ser substituído pelo arroz integral. “O integral é 70% composto de água e ele ainda tem bastante fibra, o que auxilia na digestão”, indica Venturoso.

Vale lembrar que, além de aderir a uma alimentação mais leve e balanceada, é importante praticar atividades físicas regulares para ativar a circulação sanguínea.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s