Não é por acaso que a nova Hilux ficou a cara do Corolla

Elas serviam para enfrentar terrenos acidentados e levar carga. Mas isso mudou.

As picapes estão cada vez mais urbanas. Não por acaso, a nova Hilux ficou a cara do Corolla, enquanto a Toro quer fisgar o público dos SUVs compactos.

Isso se deve à mudança do perfil de seus clientes: antes dispostos a aventuras na terra e trabalhos pesados, agora eles querem respeito no trânsito.

O primeiro sinal dos novos tempos está no mix das versões. No caso da Toyota Hilux, 90% das vendas estão concentradas entre as opções mais caras, SRV e SRX.

Para a Toro, que chega para reforçar a vocação urbana das novas picapes, a Fiat calcula que os maiores volumes estarão na Freedom Flex (40%), de entrada e sem pretensões off-road, e Volcano Diesel (30%), a mais luxuosa. Ou seja, fica de lado as configurações voltadas ao trabalho.

Além disso, em 2015, 47,7% dos emplacamentos de comerciais leves (que inclui as picapes) foram feitos na região Sudeste, onde fica a maior concentração de centros urbanos do país.  

No caso da Toro, que inaugura um novo segmento intermediário entre as picapes leves e médias, os vendedores da Fiat são unânimes: os atuais donos de SUVs com perfil urbano são os que mais procuram o modelo nas lojas.

Segundo seus cálculos, 80% dos compradores de Toro eram donos de utilitários esportivos.

Surgem também proprietários de picapes leves (10%), especialmente vindos da Strada, de picape média (5%) e de sedãs (5%).

“A maioria das propostas envolve mesmo SUVs, em especial HR-V e Renegade, na troca pela Toro”, diz um dos vendedores.

EMPLACAMENTOS DE PICAPES – JANEIRO A MAIO DE 2016  
1 – Fiat Strada 23.637
2 – VW Saveiro 15.734
3 – Toyota Hilux 14.197
4 – Fiat Toro 11.703
5 – Chevrolet S10 8.340
6 – Renault Oroch 5.374
7 – Ford Ranger 4.948
8 – VW Amarok 4.830
9 – Chevrolet Montana 3.819
10 – Mitsubishi L200 3.749

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s