O polêmico restaurante que não aceita “gordinhos” e idosos

Para jantar no Amrita, os clientes, por exemplo, não podem estar 15 quilos acima do peso ideal

São Paulo – Depois de Londres, o próximo país a ganhar um restaurante que permite que os clientes jantem sem roupas será o Japão.

Previsto para ser inaugurado no final de julho, em Tóquio, o Amrita, que em sânscrito significa imortalidade, tem causado polêmica não pela proposta de nudismo, mas sim pelas restrições de perfil dos clientes.

Para jantar no Amrita, os clientes, por exemplo, não podem estar 15 quilos acima do peso ideal – e eles irão calcular isso, não podem ter tatuagens e precisam ter entre 20 e 60 anos. Pessoas que não atenderem este perfil, não serão aceitas no local.

De acordo com site do restaurante, todos os requisitos serão verificados antes de o cliente entrar no local para que não haja nenhum constrangimento depois.

Todos os clientes que quiserem viver a experiência terão que tirar a roupa. o restaurante pode fornecer, ao que quiserem, roupa íntima descartável e um xale.

Outro diferencial, segundo o restaurante, será o time de garçons – todos com corpos esculturais e também com poucas vestimentas.  

O preço para conhecer o Amrita varia de 110 e 560 dólares.  

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s