“O Regresso” lidera a disputa pelo Oscar com 12 indicações

O filme, protagonizado pelo também indicado Leonardo DiCaprio, disputará o Oscar de Melhor Filme

O diretor mexicano Alejandro González Iñárritu voltou a demonstrar nesta quinta-feira ser um dos cineastas mais importantes de Hollywood, ao liderar a corrida pelo Oscar com as 12 indicações de seu western “O Regresso”.

O filme, protagonizado pelo também indicado Leonardo DiCaprio, disputará o Oscar de Melhor Filme com “A Grande Aposta”, “Ponte dos Espiões”, “Brooklyn”, “Mad Max: Estrada da Fúria”, “Perdido em Marte”, “O Quarto de Jack” e “Spotlight – Segredos Revelados”.

Em segundo lugar na briga aparece “Mad Max: Estrada da Fúria”, que surpreendeu ao receber 10 indicações, entre elas Melhor Diretor para George Miller, criador da saga pós-apocalíptica.

A odisseia espacial “Perdido em Marte”, do cineasta Ridley Scott, obteve sete indicações, incluindo a de seu protagonista Matt Damon.

“O Regresso” e “Perdido em Marte” saíram vencedores do Globo de Ouro no último domingo, ao receberam as estatuetas de Melhor Filme Dramático e de Comédia, respectivamente.

Também aparecem fortes na disputa pelo Oscar “Ponte dos Espiões”, de Steven Spielberg; “Carol”, de Todd Haynes; e “Spotlight – Segredos Revelados”, de Tom McCarthy, com seis indicações cada um.

A produção brasileira “O Menino e o Mundo” entrou na disputa, e concorrerá à estatueta na categoria Melhor Animação com as produções “Anomalisa”, “Divertida Mente”, “Shaun — O Carneiro” e “Quando estou com Marnie”.

Uma obra-prima

Esta pode ser a chance de DiCaprio levar finalmente o Oscar, depois de ter sido indicado outras quatro vezes.

Tom Hardy também competirá na categoria Melhor Ator Coadjuvante, enquanto o diretor de fotografia mexicano Emmanuel Lubezki buscará seu terceiro prêmio consecutivo.

“O Regresso” recria a odisseia do canadense Hugh Glass para sobreviver e se vingar, depois de ser enterrado vivo por seus companheiros de caça após ser ferido por um urso.

A presidente da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas americana, Cheryl Boone Isaacs, disse à AFP que “O Regresso” é “uma obra-prima cinematográfica”.

González Iñárritu, de 52 anos, buscará, por sua vez, sua segunda estatueta de Melhor Direção, depois de vencer no ano passado com “Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)”.

Se vencer, o mexicano se tornará o terceiro cineasta da história que é recompensado duas vezes seguidas por sua direção.

A biografia “Steve Jobs” também recebeu indicações para seu protagonista Michael Fassbender e para Kate Winslet como Melhor Atriz Coadjuvante.

O mesmo ocorreu com “A Garota Dinamarquesa”, no qual Eddie Redmayne, ganhador no ano passado de uma estatueta, e Alicia Vikander foram indicados.

Cate Blanchett, por sua vez, tentará levar seu terceiro Oscar pela história homossexual “Carol”, e precisará enfrentar Brie Larson (“O Quarto de Jack”) e Jennyfer Lawrence (“Joy: O Nome do Sucesso”) pelo prêmio.

A maior surpresa veio de Sylvester Stallone, que voltará ao Oscar quase 40 anos depois de sua última indicação. O ator concorre à estatueta por seu papel coadjuvante em “Creed”, onde volta a interpretar Rocky Balboa, o boxeador que o lançou à fama.

Colômbia, uma festa

A Colômbia fez história ao entrar pela primeira vez na disputa pelo Oscar com “O Abraço da Serpente”, que competirá pelo prêmio de Melhor Filme Estrangeiro.

A produção, dirigida por Ciro Guerra, conta o encontro de Karamakate, um xamã amazônico, com o etnólogo alemão Theodor Koch-Grunberg e com o biólogo americano Richard Evan Schultes.

“O mais significativo é que este é um filme falado em línguas indígenas, idiomas que para os colombianos também são uma língua estrangeira”, declarou o cineasta em um comunicado divulgado ao receber a notícia.

“Tomara que esta seja uma oportunidade para que nossa sociedade comece a valorizar e apreciar o conhecimento milenar de nossos povos amazônicos, que são os verdadeiros protagonistas desta história”, acrescentou.

O presidente colombiano, Juan Manuel Santos, também não hesitou em expressar sua alegria ao saber da notícia.

“Notícia maravilhosa para o cinema colombiano!”, escreveu em sua conta do Twitter. “O Abraço da Serpente de Ciro Guerra foi indicado ao Prêmio Oscar da @TheAcademy”.

A Colômbia competirá com a França por “Mustang”, Hungria por “Son of Saul”, Jordânia por “Theeb” e Dinamarca por “A War”, durante a entrega dos prêmios, no dia 28 de fevereiro no teatro Dolby de Hollywood.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s