Os conselhos de 19 personalidades para você ser mais original

Compare suas ideias com as destas personalidades que têm o DNA plugado em originalidade e se inspire para aprimorar seu diferencial competitivo

mineirinho

 (Reprodução/Fonte padrão)

Vamos combinar que no mundo globalizado, no qual o acesso à informação é geral e irrestrito, fica um pouco mais difícil ser único – pelo menos no sentido comum definido pelos dicionários.

Eles dizem que original é tudo aquilo que parece inventado ou imaginado sem modelo. Ou que não tem semelhante, que tem cunho ou caráter próprio, que precede sem imitar ninguém e por aí vai.

O poeta chileno Pablo Neruda (Nobel de 1971), por exemplo, não acreditava na originalidade. Dizia ser invenção do mundo contemporâneo.

Para ampliar a discussão convidamos 19 profissionais de destaque que, de um jeito ou outro, lidam com essa virtude no cotidiano.

Não que ser original signifique a mesma coisa pra todo mundo – pelo contrário. Mas há um traço comum na visão dessas pessoas incomuns: para a maioria delas, originalidade quer dizer jamais se distanciar de sua essência, ser você mesmo sempre, viver de acordo com suas convicções, encarando o novo e os desafios sem medo ser feliz.

Bem, o publicitário Nizan Guanaes, o neurocientista Miguel Nicolelis, o ator Marcelo Serrado, o campeão mundial de surfe Adriano de Souza, o arquiteto Marcio Kogan e muitas outras figuras inconfundíveis têm, cada um a seu modo, uma visão que pode ajudar você a ser um cara original.

E pouca coisa é mais VIP do que ser um cara que anda com as próprias pernas, traça o próprio caminho, pensa com a própria cabeça. Como a VIP sempre fez, aliás. Taí: ser original é…

Nizan Guanaes

nizan guanaes

O sócio-fundador do Grupo ABC e um dos mais importantes publicitários brasileiros de todos os tempos diz:

“…Manter-se fiel a si mesmo, sem conceder.”

 

Márcio Kogan

márcio kogan

Arquiteto premiado dentro e fora do país, é professor da Escola da Cidade e membro honorário American Institute of Architects.

“ [Ser original é] Ser fascinado pelas infinitas combinações que compõem a aparência e o cérebro de cada um. Quando estou no meio de uma multidão não consigo deixar de pensar nisso. Acho genial. Somos todos originais!”

 

Adriano de Souza, o Mineirinho

Mineirinho

Atual campeão mundial de surfe.

“…Ser você mesmo 24 horas por dia, estar aberto a novas ideias, ter atitude, fazer o que gosta sem dar muita bola pra torcida, mas sempre com respeito aos que pensam diferente.”

 

Alex Atala

alex-atala-gastronomia-perfil-icone-vip

 (Marcus Steinmeyer/Reprodução)

Chef de cozinha, dono dos restaurantes D.O.M. (duas estrelas Michelin), Dalva e Dito e Açougue central.

“…Se expressar por meio do seu trabalho. Você não precisa ser um grande conhecedor para diferenciar Caetano de Gil, o Vik Muniz de Di Cavalcanti. Esse é o sonho de todo cozinheiro: buscar a originalidade, a possibilidade de ser reconhecido antes da própria assinatura.”

 

Marcelo Serrado

marcelo serrado

Ator de cinema, teatro e TV.

“…Não se deixar levar por modismos e se manter coerente com as próprias convicções, sempre respeitando as diferentes maneiras de pensar. Ser íntegro e procurar sintonia constante entre o seu mundo interior e o que está mostrando para fora.”

 

Paola Carosella

Paola Carosella

A chef argentina faz sucesso não só entre as panelas do Arturito e do LaGuapa Café, mas também como jurada do Masterchef Brasil da Bandeirantes.

“…Atuar em sintonia com o nosso desejo.”

 

Jefferson Rueda

Jefferson Rueda

 (Luiz Maximiano/Revista VIP)

Chef, ex-Pomodori e ex-Attimo, hoje comanda o restaurante Casa do Porco, em parceria com a mulher, Janaina, com quem divide a cozinha do Bar Dona Onça.

“…Saber que quem confere originalidade às pessoas é a história de cada um. E também a disposição de viver em plenitude a própria essência, sem abrir mão de princípios, sem negar origens, revelando ao mundo, com criatividade – e em sintonia com tudo ao redor –, o que aprendeu na vida, sua cultura, seus sabores.”

 

Marcelo Rosenbaum

marcelo rosenbaum

Designer, com trabalho fortemente ligado à brasilidade.

”…Não permanecer jamais em zona de conforto. Estar sempre disposto a se relacionar com o novo, a buscar algo mais, a descobrir as camadas sob a superfície. É também alguém que realiza projetos, enxerga adiante e abre espaço para as ideias se tornarem reais.”

 

Rodrigo Ohtake

Rodrigo Ohtake

Arquiteto, colaborou com profissionais renomados como Mario Biselli, Alvaro Puntoni e o francês Patrick Jouin, além de trabalhar com seu pai, Ruy, desde 2008.

“…Continuar intuitivo. À medida que crescemos nos tornamos racionais. Acredito que a essência e a singularidade de cada ser humano estão na intuição. Portanto, se soubermos ouvi-la, a originalidade estará sempre presente.”

 

Miguel Nicolelis

Miguel Nicolelis

Cientista brasileiro, destaque internacional por sua pesquisa em neurociências na Universidade de Duke, nos EUA. Responsável pela criação do robô que possibilitou a um paraplégico dar o chute inicial da Copa de 2014.

“…Não se impressionar – muito menos se intimidar – com o consenso da mediocridade. é escapar do ruído da média e procurar novas formas de ver o mundo, buscando respostas para novas ou velhas questões sem se deixar levar pela manada. é não se conformar em seguir caminhos já percorridos e achar o seu!”

 

Morongo

Marco Aurélio Raymundo

Marco Aurélio Raimundo, o Morongo, é dono da marca Mormaii, ligada em lifestyle esportivo, na qual introduziu gestão inovadora, participativa

“…Ter liberdade e coragem de seguir o próprio caminho, procurando ser/estar em equilíbrio com o universo, sem desrespeitar sua essência, que é única, mas com flexibilidade e abertura para se adaptar às mudanças. Quem consegue chegar aí na vida é original, não tenho dúvida.”

 

Thallis Gomes

Thallys Gomes

Criador do Easy Taxi, hoje é dono do Singu, aplicativo que conecta profissionais de beleza e bem-estar a clientes da área.

“…Não ter medo de pensar e agir de acordo com suas convicções – sem se preocupar com as opiniões alheias. A originalidade pressupõe certo grau de loucura.”

 

Oskar Metsavah

Oskar Metsavaht

Ex-médico, dono da Osklen e diretor de criação e estilo da marca.

“…Seguir seu instinto e desafiar preconceitos, expressando valores e gostos por meio de realizações. Simples assim.”

 

Marcio Kumruian

marcio kumruian

CEO e fundador do Grupo Netshoes

“…Ter capacidade de romper padrões a partir do entendimento de que não é preciso temer o novo. E também ser obcecado não apenas pelo ineditismo, mas pela qualidade nos mínimos detalhes, pela excelência de execução desse novo.”

 

Luigi Cani

Luigi Cani

Atleta, produtor e apresentador, ganhou 79 medalhas competindo com os melhores do paraquedismo – saltou mais de 10 mil vezes. Salta também de wingsuit.

“…Estar sempre conectado à própria essência. É preciso saber genuinamente qual seu talento, sua paixão e ainda assim fazer tudo para se tornar ‘master’ na vida. Infelizmente, a maioria não chega lá.”

 

Di Ferrero

di ferrero

Vocalista e compositor da banda de rock NX Zero

“…Seguir o seu instinto mais profundo e não desconsiderá-lo jamais. Sair da caixinha e nunca fazer parte de estatísticas equivocadas. Ser chamado de louco por ser diferente, além de manter fidelidade a si mesmo o tempo inteiro.”

 

Alessandro Del Piero

Alessandro Del Piero

Ex-jogador da seleção italiana de futebol e Campeão do Mundo em 2006

“…Ser você mesmo, em primeiro lugar. É aproveitar as coisas à sua maneira. É respeitar a originalidade dos outros, mas pensar com a própria mente. Pegar toda aquela experiência que você teve na vida e escolher um caminho que seja só seu.”

 

Antonio Bernardo

Antonio Bernardo

 (Dilvugação/Reprodução)

Designer de jóias.

“…Ser verdadeiro consigo mesmo. É ter habilidades criativas e inspirações próprias. É sentir a necessidade, quase uma inquietude, para romper barreiras, ultrapassar limites e transgredir no bom sentido. Olhar a vida por diferentes prismas. Se entregar ao trabalho com espírito de missão e avançar no tempo em prol de algo bom para a sociedade.”

 

Luiz Fernando Carvalho

luiz fernando carvalho

Diretor de teledramaturgia.

“…Saber que A originalidade causa medo, pois é em si um ato de liberdade, de transgressão, de resistência, de cidadania. É um ato perigoso.”

Veja também
Newsletter Conteúdo exclusivo para você

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s