Vão de habilidades no mercado de trabalho e as lições que podemos aprender com atletas medalhistas

Ensino online de qualidade é saída prática e inteligente para quem busca recolocação profissional

Com o momento econômico instável que estamos vivendo no Brasil, milhares de pessoas perderam seus empregos e estão agora competindo por vagas no mercado de trabalho. De acordo com uma pesquisa da Manpower Group, 61% dos empregadores no Brasil têm dificuldades em preencher vagas abertas por conta da falta de talentos. O chamado “Skill Gap” – ou “vão de habilidades” – é grande no Brasil, e isso porque há muitas pessoas no mercado que não estão qualificadas para a maioria das vagas que estão disponíveis.

Esse fenômeno ocorre não só pela falta de conhecimento de determinada área, mas também por conta da criação de novas profissões e novas possibilidades de trabalho, nas quais poucos estão preparados para atuar. A profissão “Desenvolvedor de Aplicativos para Dispositivos Móveis”, por exemplo, surgiu recentemente e já conta com um grande número de profissionais qualificados, mas que ainda não é comparável ao número de arquitetos, médicos ou professores.

O tradicional sistema educacional brasileiro ainda não está preparado para abraçar essas novas profissões e garantir que esses novos postos de trabalho sejam ocupados por profissionais acima da média. Para se adaptar a essa nova realidade, as universidades necessitariam de grandes mudanças estruturais em suas grades curriculares e corpos docentes para abrigar esse novo tipo de conhecimento.

“O ensino online, no entanto, dá às pessoas a oportunidade de aperfeiçoar seu conhecimento em suas áreas de atuação e, com isso, concorrer a vagas de trabalho que antes estavam mais distantes da sua realidade”, afirma Sérgio Agudo, Diretor da Udemy para o mercado brasileiro. “Apesar disso, o ensino tradicional ou presencial jamais será dispensável. Os cursos online têm a intenção de complementar os estudos de certas áreas e permitem, principalmente, o compartilhamento de informações”, continua Agudo.

Assim como atletas de todas as modalidades, que se preparam por anos para competir em uma prova, universitários se esforçam para garantir um diploma e competir no mercado de trabalho. Embora esse esforço garanta bons resultados, é com treinos extras que se garantem medalhas, principalmente as de ouro, enquanto que cursos extracurriculares podem garantir cargos melhores ou mais altos – principalmente os que envolvem a liderança de equipes

Para isso, a Udemy, plataforma global de ensino online, está sempre comprometida com a criação e a entrega da melhor experiência de aprendizado para ajudar seus usuários em todo o mundo a atingir seus objetivos e possui hoje mais de 40 mil cursos ativos, sendo que 70% deles são voltados para desenvolvimento profissional.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s