5 vezes que a Ford apareceu em grandes filmes

A montadora já teve seus carros exibidos em mais de 3 mil produções de cinema e TV

Muitas montadoras conseguem eternizar seus modelos através do cinema. É o caso da Ford, que teve seus carros exibidos em mais de 3 mil produções das telonas e da TV, entre eles, os campeões de bilheteria Mad Max (Falcon GT V8), 60 Segundos (Mustang Eleanor), A Origem (van Econoline) e Jurassic Park (Explorer).

Outros exemplos recentes na televisão incluem as aparições do Explorer, Escape, Mustang e Taurus na série Arquivo X e do Escape nos policiais “The Blacklist” e “Blindspot”

Confira abaixo alguns casos memoráveis da parceria entre a Ford e a sétima arte:

Gran Torino (2008) – A Ford inspirou tanto os cineastas que um de seus modelos mais famosos virou astro e título de filme. 

E não se trata de uma produção qualquer, mas um dos melhores filmes do astro Clint Eastwood, no papel de um americano patriota, funcionário aposentado da Ford e orgulhoso do seu carrão: um legítimo clássico Gran Torino. O modelo 1972 vai de 0 a 100 em 6,8 segundos.

(Reprodução)

Bullitt (1968) – O Mustang protagonizou uma das melhores perseguições de carros já feitas na sétima arte, com quase 10 minutos de duração.

Nela, o ator Steve McQueen, conhecido como “The King of Cool”, acelera o modelo pelas ladeiras da cidade americana de São Francisco no encalço de um assassino. 

Com seu estilo inovador, a sequência épica influenciou vários outros filmes policiais de sucesso e frequentemente é citado como referência em produções do gênero.

(Reprodução)

 

Drive (2011) – Uma criação claramente inspirada em Bullitt, mas que encontrou seu próprio sucesso. Nesta produção, o ator Ryan Gosling interpreta um piloto profissional dentro de um mundo solitário. 

O personagem dirige um Ford Mustang, verde como o de Bullit, mas do modelo 2011. Atuando como dublê de Hollywood, ele vira piloto de fuga de gângsteres e acelera o Mustang com motor V8 de 412 cavalos em perseguições de tirar o fôlego.

(Reprodução)

007 – Os Diamantes São Eternos (1971) – James Bond tem uma longa história de aventuras com carros da Ford. No filme 007 Contra Goldfinger, de 1964, o herói encarnado por Sean Connery aparece em um Ford Mustang branco. 

Em 1971, o agente usou um Mustang Mach 1 vermelho, com motor V8 7.0 de 375 cavalos, como carro principal. Também atuou com outros modelos da Ford, incluindo até o subcompacto Ford Ka no filme “Quatum of Solace” (2008), que teve ainda aparição do Ford Mondeo, e “Casino Royale” (2006).

(Reprodução)

Need for Speed (2014) – Adaptação do célebre videogame, esse filme recente é focado em velocidade. Tem a participação de modelos de sucesso da Ford, incluindo a picape esportiva F-150 Raptor, da linha mais vendida nos Estados Unidos há 34 anos consecutivos, e uma versão do Mustang criada especialmente, além de clássicos como o Bronco e o Torino.

(Reprodução)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s