Juros recuam com IPCA perto do piso das estimativas

Os dados do IBGE confirmam o rompimento do teto do intervalo da meta de inflação perseguida pelo governo

São Paulo – O mercado de juros futuros absorve na manhã desta sexta-feira, 8, a inflação de 10,67% no fechamento de 2015, que representa a maior taxa anual desde 2002 (12,53%).

Em dezembro, ela ficou em 0,96%, conforme divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Uma inflação de dois dígitos no ano passado, no entanto, já era esperada.

Além disso, ambos os números vieram perto do piso das estimativas dos analistas consultados pelo AE Projeções (de 10,66% e 0,95%, respectivamente).

Por isso, os juros futuros reagem em baixa. O movimento das taxas futuras também é determinado pela queda do dólar nos primeiros negócios do dia, em meio à diminuição da tensão no exterior.

Os dados do IBGE confirmam o rompimento do teto do intervalo da meta de inflação perseguida pelo governo (4,5%, com tolerância de 2,0 pontos porcentuais para mais ou menos).

A última vez que isso aconteceu foi em 2003, quando o IPCA fechou o ano em 9,30%.

O Banco Central, presidido por Alexandre Tombini, terá que escrever uma carta pública ao Ministério da Fazenda, cujo titular é Nelson Barbosa, na qual deverá listar os motivos pelos quais a inflação ultrapassou o limite estabelecido pelo Conselho Monetário Nacional (CMN).

Às 9h33, o DI para abril de 2016 indicava 14,625%, ante 14,638% no ajuste de ontem.

O DI para janeiro de 2017 tinha taxa de 15,48%, de 15,54% no ajuste anterior. O DI para janeiro de 2021 apontava 16,19%, de 16,28% no ajuste da véspera.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s