Moeda chinesa tem maior queda desde agosto

O iuan fechou com queda de 0,46% nesta segunda-feira, marcando a maior retração em um dia frente ao dólar desde que as autoridades chinesas desvalorizaram a moeda em agosto.

Xangai – O iuan fechou com queda de 0,46% nesta segunda-feira, marcando a maior retração em um dia frente ao dólar desde que as autoridades chinesas desvalorizaram a moeda em agosto. O dólar avançou para 6,3379 yuans, comparado ao fechamento de 6,3175 iuanes de sexta-feira.

O iuan recuou mesmo com o governo central tendo guiado a moeda local para cima por meio da taxa de referência diária.

O Banco do Povo da China (PBoC, o banco central do país) estabeleceu a taxa de paridade central em 6,3154 iuanes por dólar, ante 6,3495 iuanes na sessão anterior. O valor é 0,54% maior do que a taxa de referência diária de sexta-feira, atingindo a maior taxa de paridade desde 2005.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s