Preços do petróleo disparam após fraca importação dos EUA

O Brent fechou em alta de 2,01 dólares, ou 4,2 por cento, e encerrou a 49,99 dólares por barril, seu fechamento mais alto em quase três semanas

Nova York – Os preços do petróleo subiram mais de 4 por cento nesta quinta-feira, com Brent tocando brevemente os 50 dólares por barril pela primeira vez em duas semanas, após um declínio surpreendentemente grande nos estoques dos Estados Unidos, uma vez que as importações da costa do Golfo caíram para mínimas recordes.

O Brent fechou em alta de 2,01 dólares, ou 4,2 por cento, e encerrou a 49,99 dólares por barril, seu fechamento mais alto em quase três semanas.

O petróleo dos EUA encerrou a 47,62 dólares por barril, alta de 2,12 dólares, ou 4,7 por cento, o maior ganho percentual para os futuros dos EUA desde abril.

Os estoques de petróleo dos EUA caíram 14,5 milhões de barris na última semana para 511,4 milhões de barris, o maior declínio semanal nos estoques desde janeiro de 1999, de acordo com a Administração de Informações de Energia dos EUA (AIE).

As importações pela costa do Golfo dos EUA caíram 2,5 milhões de barris por dia, a mínima desde que a coleta de dados começou em 1990.

Operadores disseram que as importações caíram porque as embarcações atrasaram o descarregamento no Texas e na Louisiana devido à tempestade tropical Hermine.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s