Assassinato de jovem por ex-militar americano choca Japão

O caso coincide com a próxima visita do presidente Obama e em um contexto de crescente rejeição da presença militar dos EUA, que mantém 47 mil soldados no país

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, disse nesta sexta-feira ter ficado “escandalizado”, após a prisão de um funcionário americano de uma base militar suspeito de assassinar uma jovem japonesa de 20 anos.

“Quando penso na família (da vítima) não tenho palavras. Pedimos à parte americana que adote medidas estritas, especialmente na prevenção”, disse Shinzo Abe, que ficou “escandalizado”.

O caso coincide com a próxima visita ao Japão do presidente Barack Obama e em um contexto de crescente rejeição da presença militar dos EUA, que mantém 47 mil soldados no país.

O chanceler japonês, Fumio Kishida, manifestou seu protesto à embaixadora dos Estados Unidos, Caroline Kennedy. “É extremamente lamentável que tenha ocorrido algo assim”.

Kenneth Franklin Shinzato, um ex-militar de 32 anos que trabalhava na base aérea de Kaneda, na região de Okinawa, foi detido pela polícia sob a acusação de assassinar e abandonar o corpo de Rina Shimabukuro em uma estrada, no final de abril.

Há dois meses, outro soldado americano, de 24 anos, foi detido em Okinawa acusado de estupro.

burs-kap/lr

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s