Ataque em aeroporto afegão deixa 50 civis e oficiais mortos

Último insurgente do Taliban morreu mais de 24 horas após o início do ataque

Cabul – O último dos 11 insurgentes do Taliban que invadiram o aeroporto de Kandahar foi morto na noite de quarta-feira pelas forças do Afeganistão, mais de 24 horas após o início do ataque, informou o Ministério da Defesa, e o número de mortos entre civis e membros das forças de segurança subiu para 50.

O ataque a uma das maiores bases aéreas do Afeganistão coincidiu com uma conferência regional de paz no Paquistão, onde o presidente afegão, Ashraf Ghani, pediu ao Paquistão para ajudar a recomeçar conversas de paz com o Taliban, que foram interrompidas neste ano.

O ministério disse que operações contra os agressores, que tomaram posições em uma parte do complexo usada para acomodação, foram lentas para limitar o número de mortes entre civis.

No total, 38 civis, 10 soldados e dois policiais foram mortos no confronto, enquanto 37 membros das forças de segurança e civis ficaram feridos.

Não houve relatos de mortes entre os milhares de militares internacionais e funcionários terceirizados que ocupam o local fortificado. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s