Atirador de tribunal era preso que roubou arma de agente

O homem que abriu fogo num tribunal de Michigan era um preso que roubou a arma de um agente de segurança, afirmou o xerife

O homem que abriu fogo num tribunal de Michigan, nos Estados Unidos, nesta segunda-feira, matando dois policiais e ferindo um civil e um adjunto do xerife, antes de ser morto a tiros, era um preso que roubou a arma de um agente de segurança, afirmou o xerife do condado.

O atirador, que não foi identificado, foi capaz de se livrar de um adjunto do xerife do condado de Berrien e de um policial num corredor que leva ao tribunal e disparar contra os dois, afirmou o xerife Paul Bailey.

Ele também matou outro policial e feriu um civil antes de ser morto a tiros por agentes de segurança, declarou Bailey. O xerife adjunto e o civil estavam sendo atendidos num hospital da região, acrescentou ele.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s