Bebê morre em confrontos entre turcos e curdos

O bebê, chamado Miray, foi atingido na cabeça quando a casa de sua família em Cizre foi bombardeada

Um bebê de três meses e seu avô foram mortos ao ficar presos no fogo cruzado entre as forças turcas e os rebeldes turcos do PKK no sudeste da Turquia, informaram neste domingo fontes hospitalares.

Também neste domingo três soldados morreram em um atentado à bomba do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) na cidade de Cizre, no sudeste de maioria curda, informou o exército.

O bebê, chamado Miray, foi atingido na cabeça quando a casa de sua família em Cizre foi bombardeada na noite de sexta-feira, durante uma intensificação dos confrontos entre as forças turcas e os rebeldes do PKK.

Sua família, vendo que ainda respirava, chamou uma ambulância. Seu avô, Ramazan Ince, de 73 anos, levou um tiro quando levava Miray para a ambulância, informaram testemunhas à AFP.

Os dois morreram no hospital, informaram fontes médicas.

A família contou que os disparos vieram da direção do hospital público de Cizre, que é controlada por forças de segurança curdas.

Uma bomba instalada por “membros da organização terrorista separatista” explodiu no domingo na passagem de um veículo blindado em Cizre, matando três soldados, informou o exército em um comunicado, referindo-se ao PKK.

Outro soldado e um oficial de polícia ficaram feridos, mas suas vidas não correm risco, acrescentou.

Depois de mais de dois anos de cessar-fogo, combates mortais ocorrem desde o verão boreal entre Ancara e o PKK, mandando pelos ares as negociações de paz iniciadas em 2012 para pôr um fim a um conflito que deixou mais de 40.000 mortos desde 1984.

As forças de segurança turcas lançaram em dezembro uma ofensiva de envergadura em várias cidades da conflituosa região do sudeste, de maioria curda, especialmente em Cizre.

O exército informou no sábado que cerca de 200 militantes morreram na última operação militar contra o PKK desde meados de dezembro.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s