Coreia do Sul vai destruir Pyongyang em caso de ataque

País pretende lançar bombardeios preventivos contra o líder norte-coreano se detectados sinais de um iminente uso de armas nucleares

Seul – A Coreia do Sul projetou um plano para destruir a capital da Coreia do Norte, Pyongyang, através de um bombardeio intensivo no caso de o regime vizinho mostrar sinais de ataque nuclear, temor que aumentou após seu último teste atômico.

“Todos os distritos de Pyongyang, particularmente nos quais possa estar escondido o líder norte-coreano, serão completamente destruídos por mísseis balísticos e projéteis de alto poder explosivo, assim que o Norte mostrar sinais de usar arsenal nuclear. Em outras palavras, a capital do Norte será reduzida a cinzas e apagada do mapa”, revelou uma fonte militar de Seul à agência sul-coreana de notícias “Yonhap”.

Os detalhes da operação foram divulgados depois que o Ministério da Defesa sul-coreano informou sobre o denominado Korea Massive Punishment & Retaliation (Castigo Em massa e Represália da Coreia, KMPR na sigla em inglês) para a Assembleia Nacional em resposta ao último teste nuclear do Norte.

O conceito operacional do Ministério da Defesa pretende lançar bombardeios preventivos contra o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e a liderança militar do país, se forem detectados sinais de um iminente uso de armas nucleares ou no caso de uma guerra, explicou a fonte.

Em tal suposição, a Coreia do Sul deve posicionar seus mísseis balísticos Hyunmoo 2A e 2B, com alcance de entre 300 e 500 quilômetros, assim como seus mísseis de cruzeiro Hyunmoo 3, cujo alcance é de 1.000 quilômetros.

Seul anunciou em meados de agosto sua intenção de aumentar de forma significativa seu arsenal de mísseis para enfrentar a “crescente” ameaça armamentista da Coreia do Norte.

Outra fonte disse que Seul criou recentemente uma unidade especial a cargo da destruição da cúpula militar da Coreia do Norte, cuja missão se centra “no lançamento de ataques preventivos sobre eles”, segundo declarações publicadas pela “Yonhap”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s