Corte da Colômbia aprova plebiscito para acordo com as Farc

Os negociadores do presidente colombiano, Juan Manuel Santos, e do líder das Farc disseram que irão acatar a consulta popular

Bogotá – Uma alta corte da Colômbia decidiu na segunda-feira a favor da realização de um plebiscito para aprovar um acordo de paz sendo negociado com os rebeldes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e cuja meta é encerrar cinco décadas de guerra.

Os negociadores do presidente colombiano, Juan Manuel Santos, e do líder das Farc disseram que irão acatar a consulta popular, que pode aceitar ou rejeitar os entendimentos obtidos ao longo de quase quatro anos de negociações.

Um acordo de paz definitivo pode ser assinado em questão de semanas, e a votação ser realizada até o final do ano.

A decisão da corte constitucional permitirá que os acordos sejam aprovados por 13 por cento, ou 4,4 milhões de votos, do eleitorado, ao qual o plebiscito submeterá uma única pergunta. Cerca de 33 dos quase 49 milhões de habitantes da Colômbia estão habilitados a votar.

A escolha de Santos de pedir aos colombianos que respondam a uma pergunta somente, um sim ou não, desencadeou críticas consideráveis, especialmente do ex-presidente e hoje senador opositor Álvaro Uribe, que argumentou que isso não permite aos eleitores rejeitarem aspectos específicos do acordo de paz.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s