Croácia acusa Merkel de ter criado o caos com os refugiados

"Angela Merkel chamava recentemente os refugiados para irem à Alemanha. Nos últimos dias, pôs o freio de mão", disse Grabar-Kitarovic, presidente croata

Zagreb – A presidente da Croácia, Kolinda Grabar-Kitarovic, acusou a chanceler alemã, Angela Merkel, de ter provocado a crise dos refugiados na Europa, por tê-los convidado primeiro a ir para a Alemanha e depois freando sua chegada.

“Angela Merkel chamava recentemente os refugiados para irem à Alemanha. Nos últimos dias, pôs o freio de mão e disse que a Alemanha não pode receber todos esses imigrantes econômicos”, disse Grabar-Kitarovic ontem à noite em entrevista à emissora “Nova TV”.

“Ao fazer isso, sem ser consciente, com tantos automóveis a caminho (Merkel) provocou o caos na estrada, e agora é preciso resolver esse caos”, concluiu a presidente croata.

Grabar-Kitarovic criticou a forma como o governo croata encara a crise de refugiados, especialmente por ter permitido sua entrada sem controle no país.

Ela propôs chamar o exército croata “para defender a segurança dos cidadãos e a soberania do país”.

Além disso, a conservadora advertiu que entre os imigrantes “pode haver não só terroristas, mas também criminosos transportando armas e drogas”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s