É necessário repatriar os migrantes, dizem Renzi e Merkel

"Todos na Europa têm que trabalhar pela repatriação dos que não têm direito" de permanecer em território europeu, declarou Renzi

O chefe do governo italiano, Matteo Renzi, e a chanceler alemã, Angela Merkel, insistiram nesta quarta-feira (31) sobre a necessidade de encontrar uma solução europeia para favorecer a repatriação dos imigrantes que não têm direito ao estatuto de refugiado.

“Todos na Europa têm que trabalhar pela repatriação dos que não têm direito” de permanecer em território europeu, declarou Renzi em coletiva de imprensa conjunta, após um encontro bilateral com a Alemanha, em Maranello, norte da península.

“Não é possível acolher todo mundo”, acrescentou o chefe de governo italiano.

“Não podem ficar todos, e a Itália tem o mesmo problema, assim temos uma agenda comum”, indicou Merkel, segundo uma tradução em italiano de suas declarações em alemão.

“Os que têm direito devem ser repatriados”, afirmou Merkel, diante das novas chegadas em massa à Itália, que nos últimos dias viu 12.500 imigrantes desembarcarem em sua costa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s