Exército nigeriano liberta 63 reféns do Boko Haram

Os cinco combatentes do Boko Haram foram mortos em confrontos nos povoados de Lawin Meleri, Matiri Bulaka e Aljeri, segundo o Exército

O Exército nigeriano garantiu na noite desta quinta-feira que resgatou 63 reféns do grupo islâmico Boko Haram em povoados do nordeste do país.

“Durante a operação (os soldados) mataram cinco terroristas do Boko Haram e salvaram 63 reféns” mantidos pelos rebeldes islâmicos, declarou o porta-voz do Exército nigeriano, Sani Usman.

Os cinco combatentes do Boko Haram foram mortos em confrontos nos povoados de Lawin Meleri, Matiri Bulaka e Aljeri, segundo o Exército.

Os militares destruíram ainda dois campos do Boko Haram na selva de Alagarno, Estado de Borno, próximos à selva de Sambisa, um dos feudos históricos do grupo islâmico.

A Nigéria enfrenta desde 2009 a revolta do Boko Haram, que já causou ao menos 17 mil mortes no norte do país, majoritariamente muçulmano, e mais de 2,6 milhões de deslocados.

Para combater o Boko Haram, quatro países em torno do lago Chad – Nigéria, Chade, Níger e Camarões – e o Benin criaram a Força de Intervenção Conjunta Multinacional (MNJTF), integrada por 8.700 militares, policiais e civis, ainda não operacional.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s