FBI está testando segurança do e-mail de Hillary Clinton

FBI quer assegurar-se que o e-mail que Hillary usou para assuntos oficiais quando era a chefe da diplomacia dos EUA não está exposto a ataques de hackers

Washington- O Birô Federal de Investigação (FBI) está testando a segurança da configuração da conta de e-mail pessoal da ex-secretária de Estado dos Estados Unidos, Hillary Clinton, segundo publicou nesta terça-feira o jornal “Washington Post”.

De acordo com o site da publicação, o FBI quer assegurar-se que o correio pessoal de Hillary, que o usou para assuntos oficiais quando era a chefe da diplomacia dos EUA e que, portanto, contém informação sensível, não está exposto a ataques de hackers.

Para isso, os agentes federais entraram em contato na semana passada, segundo o “Washington Post”, com uma empresa tecnológica de Denver (Colorado) que lhes assessorou sobre esta questão.

Também na semana passada o FBI entrou em contato com o advogado de Hillary, David Kendall, para informar-se sobre a segurança de um pendrive que se encontra em sua posse e que contém cópias dos e-mails que a ex-secretária de Estado enviou entre 2009 e 2013.

“O governo quer assegurar o armazenamento destes materiais e nós estamos cooperando ativamente”, declarou Kendall ao jornal de Washington.

Hillary Clinton se viu envolvida neste ano em uma polêmica quando se preparava para apresentar sua candidatura às primárias democratas para a presidência, após a revelação que tinha utilizado sua conta de e-mail particular para assuntos de interesse nacional.

Atendendo às reivindicações dos republicanos, o Congresso dos EUA abriu uma investigação, e Hillary entregou 55.000 páginas de seu e-mail pessoal ao Departamento de Estado, para que as revisasse e publicasse, algo que está sendo feito paulatinamente.

A favorita nas primárias democratas para as eleições de 2016 também aceitou falar no próximo dia 22 de outubro perante a Câmara dos Representantes dos EUA para falar sobre seu uso do e-mail e sua gestão sobre o ataque ao consulado em Benghazi (Líbia) em 2012. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s