Hillary não deve ser acusada pelos e-mails, diz FBI

A virtual candidata à presidência dos EUA é investigada por uso indevido de vários servidores de e-mail particulares para lidar com assuntos oficiais do Estado

Washington – O diretor do FBI, James Comey, afirmou nesta terça-feira que a virtual candidata à presidência dos Estados Unidos pelo Partido Democrata, Hillary Clinton, não deve ser acusada pelo uso de vários servidores de e-mail particulares para lidar com assuntos oficiais quando era secretária de Estado (2009-2013).

A recomendação do FBI é provisória, e a decisão definitiva depende do Departamento de Justiça.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s