Hollande rejeita endurecer legislação antiterrorismo

Para o presidente francês, as leis votadas desde 2015 dão "capacidade para agir"

O presidente francês, François Hollande, rejeitou nesta terça-feira (26) os apelos da oposição de direita e de extrema-direita para endurecer ainda mais a legislação antiterrorista, após o atentado a uma igreja no noroeste do país.

Para Hollande, as leis votadas desde 2015 dão “capacidade para agir”.

“Restringir nossas liberdades não trará eficácia à luta contra o terrorismo”, declarou, em pronunciamento transmitido pela televisão. Um pouco mais cedo, seu antecessor no governo, Nicolas Sarkozy, reivindicou do Executivo “mudar profundamente (…) a retaliação”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s