Homem é preso na Argentina por ameaçar Macri de morte

A ameaça foi feita em 22 de novembro, data do segundo turno das eleições presidenciais, mediante uma ligação para o número de emergência da polícia

Buenos Aires – Um homem foi detido ontem na Argentina por ter ameaçado de morte o presidente eleito, Mauricio Macri, no dia das eleições, informou a polícia à Agência Efe nesta quarta-feira.

O homem, cuja identidade não foi revelada, tem nacionalidade argentina e entre 30 e 40 anos.

A ameaça foi feita em 22 de novembro, data do segundo turno das eleições presidenciais, mediante uma ligação para o número de emergência da polícia, na qual se advertia que Macri seria alvo de um atentado.

A investigação, feita pela Divisão Antiterrorismo da Polícia Federal, permitiu a detenção do homem, que agora está à disposição da Justiça.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s