Honduras registra mil casos de zika desde dezembro

O vice-ministro da Saúde anunciou uma investigação sobre a morte de um idoso, que teria sido provocado por zika vírus, na semana passada

Honduras registrou 1.000 casos do vírus zika desde dezembro, anunciou o vice-ministro da Saúde, Francis Contreras, que também anunciou a investigação de uma morte provocada pelo vírus, transmitido pelo mosquito Aedes Aegypti.

“No decorrer do ano foram registrados 949 casos de contágio por zika, que são somados a outros 51 de dezembro de 2015”, disse Contreras.

Ele anunciou uma investigação sobre a morte de um idoso, que teria sido provocado por zika vírus, na semana passada no Hospital Escola de Tegucigalpa.

“O idoso tinha a a síndrome Guillain-Barré, que ataca o sistema nervoso e provoca paralisia ou fragilidade muscular, mas suspeitamos que antes disso foi afetado pelo zika”, afirmou o ministro.

Contreras pediu a ajuda da população no combate ao mosquito Aedes Aegypti, enquanto o governo prossegue com a campanha de luta contra o inseto.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s