Incêndio em armazém deixa 16 mortos em Moscou

Investigação busca determinar se o fogo teve origem criminosa ou acidental. As vítimas podem ser imigrantes das ex-repúblicas soviéticas

Dezesseis pessoas morreram na manhã deste sábado em um incêndio num armazém de Moscou, anunciaram autoridades russas.

Os socorristas chegaram às 5h GMT ao armazém, localizado em uma zona industrial no norte da capital russa, e encontraram 16 corpos, segundo a agência oficial TASS, que citou o Ministério de Situações de Emergência.

Quando tentavam apagar o fogo, os bombeiros encontraram “um dormitório isolado pelas chamas. Derrubaram a parede e encontraram os corpos”, assinalou a agência.

O incêndio destruiu 200m² do armazém, e foi apagado às 7h GMT, segundo as autoridades.

As vítimas podem ser imigrantes das ex-repúblicas soviéticas, declarou uma fonte das forças de segurança às agências de notícias russas. O armazém pertencia a uma loja de impressão.

A causa do fogo é desconhecida, e foi aberta uma investigação para determinar se o mesmo teve origem criminosa ou acidental.

A Rússia é um país com infraestrutura obsoleta da era soviética, no qual não são aplicadas com rigor as medidas de segurança.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s