Incêndio em campo de refugiados na Argélia mata 18 pessoas

Até o momento, as causas do incêndio não são conhecidas, nem as nacionalidades das vítimas

Um incêndio na noite passada em um campo de refugiados na Argélia matou 18 migrantes africanos e feriu 43, informaram hoje (24) os serviços de emergência argelinos.

“O alerta de incêndio foi dado no campo que acolhe migrantes em Ouargla, a 800 quilômetros de Argel”, disse Farouk Achour, porta-voz da Proteção Civil local.

Até o momento, as causas do incêndio não são conhecidas, nem as nacionalidades das vítimas.

O local, um hangar colocado à disposição dos migrantes pelas autoridades locais, acolhia mais de 600 pessoas.

A Proteção Civil interveio rapidamente para conter o incêndio, que teria sido provocado por um aquecimento improvisado, já que as temperaturas baixaram drasticamente nos últimos dias.

Uma investigação foi aberta pela polícia científica para determinar as causas do incêndio.

A Argélia tornou-se um destino privilegiado para os migrantes subsaarianos, mas o fluxo fez aumentar os comportamentos racistas, que vêm sendo demonstrados em artigos na imprensa, denunciados por várias organizações não governamentais.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s