Industriais são detidos após golpe frustrado na Turquia

Três dirigentes do grupo Boydak Holding Company foram detidos no âmbito das investigações abertas após a tentativa de golpe no país

Três conhecidos industriais foram detidos provisoriamente nesta sexta-feira no âmbito das investigações abertas após o golpe de Estado frustrado na Turquia, centradas na rede do pregador Fethullah Gülen e que também afetaram o mundo dos negócios.

Mustafa Boydak, presidente do conglomerado familiar Boydak Holding Company, foi preso na cidade de Kayseri, no centro da Turquia, anunciou a agência de notícias governamental Anatolia.

Outros dois dirigentes do grupo, Sukru Boydak e Halit Boydak, foram detidos em suas casas. A polícia também procurava o presidente do grupo, Haci Boydak, e Ilyas e Bekir Boydak, contra os quais também foram emitidas ordens de prisão.

O grupo Boydak Holding tem interesses em energia, finanças e móveis, setor no qual possui marcas conhecidas na Turquia, como Istikbal e Bellona.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s